Área Restrita

Perto do fim do prazo, poucos estados e municípios entregaram planos de educação

02/06/2015
Notícias
Institucional

Falta pouco menos de um mês para o fim do prazo a fim de que os estados e municípios tenham os próprios planos de educação sancionados. Para entidades que representam os entes federados, o prazo não será cumprido por todos. Entre os estados, três sancionaram os planos: Maranhão, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Quanto aos municípios, dos quase 5,6 mil, só 151 têm planos sancionados. As informações são do site Planejando a Próxima Década do Ministério da Educação (MEC).

 

Os planos estaduais e municipais de educação estão previstos no Plano Nacional de Educação (PNE), sancionado no ano passado pela presidenta Dilma Rousseff. Ele traça metas para serem cumpridas nos próximos dez anos. As metas vão desde a inclusão de crianças e adolescentes na escola até a pós-graduação. Trata ainda da valorização do professor e dos investimentos em educação, que até 2024 deverão ser de, no mínimo, o equivalente a 10% do Produto Interno Bruto (PIB). Atualmente o investimento na área é 6,6%.

 

Pela lei, os planos locais têm até o dia 24 de junho para serem sancionados. O prazo é o primeiro estipulado no PNE. Os planos municipais e estaduais devem, de acordo com a realidade local, estabelecer estratégias para o cumprimento de cada uma das metas do PNE. Eles têm liberdade, inclusive, para avançar nas metas caso elas estejam superadas.

 

A situação mais crítica é entre os municípios. `Não vamos cumprir em todos os municípios`, disse a presidenta da União Nacional de Dirigentes Municipais de Educação (Undime), Cleuza Repulho. `Mas quero deixar claro que é muito importante que esses planos reflitam a realidade. Muito mais que prazo, é a importância que os planos têm na execução, que sejam feitos com a discussão ampla, com a participação de todo mundo, para refletir a realidade`.

 

Segundo ela, mesmo após o fim do prazo, a Undime continuará trabalhando com os municípios para que todos tenham os planos aprovados.

 

Para constituir os planos, o MEC estipula fases. A primeira é a constituição de uma comissão coordenadora, depois, produzir um diagnóstico da educação na localidade, a elaboração de um documento-base, consulta pública e elaboração de projeto de lei. O projeto é então enviado ao Legislativo, aprovado e sancionado.

 

Entre os municípios, um não tem sequer comissão coordenadora instituída; só 531 instituíram a comissão e 1.049 concluíram apenas o diagnóstico. Os demais avançaram na elaboração do documento-base (1.560), fizeram consulta pública (1.185), têm o projeto de lei elaborado (505), enviaram o projeto ao Legislativo (534) e apenas 54 aprovaram a lei e 151 a sancionaram.

 

Entre os estados, a expectativa é que até o fim do ano todos os planos estejam em vigor, segundo o presidente do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), Eduardo Deschamps. `Temos um número significativo de estados que estão concluindo seus planos para remeter às assembleias legislativas. Eu acho que o número de estados que terão os planos aprovados até o dia 24 de junho vai ser reduzido, mas entre os que estarão com os planos nas assembleias legislativas, teremos um número significativo. Todos os estados estão trabalhando fortemente para isso`, informou.

 

Todos os estados têm pelo menos o documento-base elaborado. Dois, o Rio Grande do Sul e Paraná, além do Distrito Federal avançaram até o envio dos projetos ao Legislativo. Rondônia tem o projeto aprovado, mas ainda não sancionado.

 

Como o prazo está em lei, de acordo com o MEC, ele não será adiado, a não ser que se altere a lei. Em entrevista, o ministro da Educação, Renato Janine Ribeiro, ressaltou que o MEC `não quer que os estados e as prefeituras se sintam coagidos com o prazo e acabem comprando um plano pronto de educação, que não vai emanar de uma discussão da sociedade. O mais importante é a sociedade se mobilizar e discutir o que quer para a educação”.

 

Fonte: Agência Brasil

 

 

Downloads

unijipa852
Baixar
fameta658
Baixar
fap345
Baixar

Veja Também

06/03/2015
Graduação

UNIJIPA apresenta os dados oficiais da campanha “Trote Solidário 2015”

Com campanha encerrada no dia 27 de fevereiro, a edição 2015 do Trote Solidário da UNIJIPA arrecadou a quantia de 2,457 Kg de alimentos não perecíveis (com uma pequena margem de erro). Os trabalhos foram realizados do dia 9 a 27 de fevereiro e contou com a ação conjunta da Faculdade Panamericana de Ji-Paraná (UNIJIPA), da UNIJIPA Empresa Júnior e dos cursos de Administração, Arquitetura, Ciências Contábeis, Enfermagem, Farmácia, e Psicologia. Os pacotes de doações serão entregues ao Abrigo Municipal, APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), Lar do Idoso e para a comunidade Ji-paranaense.

14/05/2015
Institucional

Escola pública conquista 186 medalhas em olimpíadas de Matemática com professor que usa jogos em sala

Luiz Felipe Lins sempre gostou de resolver problemas. Na época de estudante, percebeu que a Matemática, ensinada na base da decoreba, inspirava medo em seus colegas. Decidiu, então, encarar o desafio de tornar a disciplina prazerosa. Hoje, aos 42 anos, pode-se dizer que ele tirou nota dez nessa prova. Na Escola Municipal Francis Hime, na Taquara, onde o professor Luiz Felipe brinca com os números, 186 alunos já conquistaram medalhas em olimpíadas de Matemática. Agora, o mestre prepara seus pupilos para mais um passo nessa estrada vitoriosa: a Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP), em junho.

07/03/2013
Institucional

athenas-educacional-realizou-encontro-de-gestores-no-final-de-semana

Reunião acontece com periodicidade semestral. Gestores, diretores e coordenadores das unidades que compõem o Athenas Grupo Educacional estiveram reunidos no último final no de semana Encontro de Gestores, realizado no escritório do Grupo em Porto Velho. Na ocasião foram debatidos temas de interesse institucional como o Censo da Educação, Estrutrura Curricular, Calendários Acadêmicos, dentre outros. O ciclo de debates começou ainda na sexta-feira pela manhã(1) tendo a reunião sido conduzida pelo corpo de coordenadores pedagógicos do Athenas Grupo Educacional. Em seguida, Wille Muriel Cardoso, Diretor Executivo da Carta Consulta e Ombudsman de várias organizações educacionais...

12/04/2018
Graduação

Curso de Pedagogia firma parceria com a Escola Família Agrícola

A coordenadora do curso, Prof. Célia Maria, e o Prof. Vilson Klein, representando o curso de Pedagogia, se reuniram com os responsáveis pela Escola Família Agrícola Itapirema (EFA), na última quarta-feira (11), para firmar parceria entre as duas instituições de ensino.   “A grade curricular ofertada pelo curso de Pedagogia, objetiva formar profissionais autônomos e cooperativos, capazes de pensar, investigar, planejar e realizar ações educacionais em várias instâncias e níveis”, explicou o professor Vilson Klein. Portanto, firmar está parceria se faz necessário. Assim,...

Comentários

CAPTCHA Image
Recarregar Imagem