Área Restrita

MEC altera datas para ProUni e Fies

24/01/2017
Notícias
Institucional

 

O Ministério da Educação (MEC) anunciou que, por motivos técnicos, o início das inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni) 1º/2017 e para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) será atrasado em um dia.

As inscrições para o ProUni agora ocorrerão do dia 31 de janeiro a 3 de fevereiro, e do Fies, dos dias 7 a 10 de fevereiro. Anteriormente, o ProUni começaria no dia 30 e o Fies, no dia 6. Em nota, o MEC afirmou que o atraso será para garantir a operação plena do sistema nos dias de inscrição.

O calendário dos programas foi divulgado juntamente com a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016, no dia 18 de janeiro.

PROUNI - Pode se inscrever o estudante que não tenha diploma de curso superior e que tenha feito o Enem 2016, com no mínimo 450 pontos na média das notas e com nota acima de zero na redação. O estudante também precisa atender a pelo menos uma das seguintes condições: ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública; ser pessoa com deficiência; ser professor da rede pública de ensino.Pode concorrer à bolsa integral o candidato cuja renda familiar bruta mensal per capita não exceda o valor de 1,5 salário-mínimo. As bolsas parciais são para os casos em que a renda familiar bruta mensal per capita não exceda o valor de três salários mínimos.

FIES - O Fies oferece financiamento de cursos superiores em instituições privadas a uma taxa de juros de 6,5% ao ano. O aluno só começa a pagar a dívida após a formatura. O percentual do custeio é definido de acordo com o comprometimento da renda familiar mensal bruta per capita do estudante. Pode concorrer o estudante que tiver feito qualquer edição do Enem a partir de 2010, desde que tenha obtido média superior a 450 e não ter tirado zero na redação.

Fonte/Imagens: Guia do Estudante / Candidata verifica cartão de inscrição, antes da abertura dos portões para o primeiro dia das provas do ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio), em São Paulo (SP) - 05/11/2016 (Bruno Menezes/VEJA.com)
 

 

Galeria

Veja Também

08/04/2015
Institucional

Braille proporciona aos deficientes visuais autonomia e autoestima

O ensino em Braille no DF é oferecido pelo Instituto Federal de Brasília (IFB), que possui em todos os seus campi os Núcleos de Apoio às Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais (Napne). A professora de Braille há 18 anos, servidora do IFB, Girlane Ferreira Florindo, afirmou, “o aluno cego, com o sistema Braille, consegue a inclusão e aprende de tudo, nossa ideia é ajudar os deficientes visuais e surdos a entrar no mercado de trabalho”.

18/05/2016
Institucional

Arrecadação do 5º SIAPRO contempla mais uma instituição

Dessa vez, o Abrigo Municipal de Ji-Paraná/Espaço de Intervenção do Serviço Social com Crianças e Adolescentes foi o escolhido para receber mais um lote de doações de leite arrecadados como valor de inscrição simbólico do 5º Simpósio Acadêmico Profissional (SIAPRO). A entrega aconteceu no último dia 17 de maio (ontem), ás 14h30. Estiveram envolvidos na atividade a Coordenadora do curso de Pedagogia, Célia Maria Peres Galvão; Coordenadora Pedagógica, Simone dos Santos França; Coordenadora do curso de Engenharia Ambiental, Inês Nalita D'Ávila de Lima; Coordenadora do curso de Psicologia, Rosângela Martins Vieira; Prof. Agnaldo Zuke de Lima e o Colaborador da UNIJIPA, Emerson...

Comentários

CAPTCHA Image
Recarregar Imagem